terça-feira, 15 de agosto de 2017

No Oeste, a terra e o céu: a expansão da fronteira agrícola no Brasil Central


Lançamento do livro de Sandro Dutra e Silva, "No Oeste, a terra e o céu: a expansão da fronteira agrícola no Brasil Central"
Dia 18 de Setembro
Livraria da Travessa, Botafogo, Rio de Janeiro.

Sobre o livro:
Dutra e Silva nos faz viajar pela região de uma forma agradável e fazendo com que nos sintamos integrantes da sua história. Sem dúvida, a obra No Oeste a terra e o céu é leitura obrigatória para qualquer um interessado em entender as expansões das fronteiras agrícolas no Brasil e as alterações drásticas causadas nos biomas. 
Eunice Nodari, professora titular da Universidade Federal de Santa Catarina

Neste importante livro, Dutra e Silva examina uma fronteira mais nova do que a América do Norte: a fronteira do Brasil Central, que se tornou o lócus do imperialismo ocidental nas décadas de 1930 e as subsequentes. 
Donald Worster, Hall Professor of American History Emeritus, University of Kansas

Dutra e Silva convida o leitor para uma Marcha para o Oeste diferente de qualquer filme de faroeste. É uma história rigorosa e emocionante que traz à tona narrativas urbanas no sertão, florestas tropicais recortadas pelo suor de lavradores, sonhos descalços de "pioneiros" ao lado de deliberadas desigualdades na terra que é apropriada pelo avanço da fronteira agrícola. É uma história ambiental inesquecível e necessária para estudiosos do Brasil moderno, em sua complexidade e desafios. 
Lise Sedrez, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Através do exame das experiências rurais e dos espaços urbanos das colônias e das percepções dos moradores sobre a vida nas fronteiras, Dutra e Silva ilustra a duradoura luta entre sociedade e natureza no Brasil. 
Robert W. Wilcox, Professor Associado de História, Northern Kentucky University

Enquanto este rico e ilustrado livro tem muito a oferecer sobre o tema da expansão da fronteira agrícola, particularmente sobre a colonização em Goiás, sua importância vai além das pesquisas sobre o grande Oeste do Brasil, como o seu título propõe. Ele é valioso por revelar uma rede que no passado ocorria entre os hemisférios norte e sul, incluindo geógrafos, aventureiros, exploradores e até mesmo astros de Hollywood vindos dos Estados Unidos. Por fim, o livro é uma singular contribuição para a internacionalização da história ambiental nas Américas. 
Stephen Bell, University of California, Los Angeles.

Um comentário:

Unknown disse...

Deve ser uma obra maravilhosa. Os comentários me deixaram curiosa para ler.